// confissões / linkin park

Eu escutava Linkin Park. De quando em vez o shuffle resolve tocar de novo algumas deles — esse shuffle não tem noção.

Mas eu explico. Não são todas as músicas deles que eu gosto, aliás, o único álbum que tenho deles é o Reanimation (talvez o menos conhecido deles), que consegue unir magistralmente o “new metal” meia-boca característico (se isso não for redundante) , com um pouco de rap/hip hop e mais umas pitadas de música eletrônica. Três gêneros que aprecio *com* moderação.

No mais, era isso.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s